Falando da Vida

Um blog de reflexões sobre a vida. Espaço de temas sociais e humanos.

Era apenas uma (me)nina recatada em busca de sonhos infantis. Queria um amor como nas Sem Razões do Amor de Drummond ou nas novelas. Um emprego estável. Talvez até filhos. Queria um final feliz. O que ela desejava era a solidez das paredes. Duras. Uma vida sem movimento. Só que um dia as paredes começaram …

Continue lendo

Lia foi ao supermercado naquele fim de tarde de quinta-feira comprar alguns produtos que faltavam. Por isso pegou só uma cestinha. Precisava de pão, queijo, um pouco de carne, sabão em pó e shampoo. Provavelmente levaria mais. Era sempre assim. Planejava levar cinco coisinhas, mas sempre saía com pelo menos dez. Ela tinha quase 50 …

Continue lendo

  Esse texto é outra possibilidade de final para o clássico Torradas Quebradas   Nina chegou do trabalho cansada. Tinha outro compromisso, mas desistiu. Foi direto pro banheiro tirar a maquiagem. Não prestou atenção no que fazia e acabou passando removedor de esmalte no rosto. “Caramba, quase vai no olho!” rs Resolvido o problema, foi …

Continue lendo

  Outro dia Nina se afundou na mágoa só com simples torradas quebradas. Foi lindo, poético, e meio patético! Uma tristeza que de fato veio do fundo do seu coração. E ainda vez por outra está presente. O caminho da superação é cheio de indas e vindas. Por outro lado, andou refletindo sobre os sentimentos …

Continue lendo

Ela se encontrava aos pés de uma igreja, bem no alto de uma montanha. Uma enorme escadaria levava ao local. Para os fiéis, subir tudo aquilo era prova de fé. Para Alice, apenas um percurso necessário para cumprir seu objetivo: a morte. Escolhera aquele local porque pensou que talvez, com um pouco de sorte, fosse …

Continue lendo